Safari Maisha

Em Swahili, Safari significa ‘jornada’ e Maisha significa ‘vida’’. Antes de chegar aqui não tinha ideia do quanto essa duas palavras iam se tornar uma constante nos pensamentos do meu dia a dia…Mas, quando você está vivendo as perguntas, não tem como deitar a cabeça no travesseiro sem pensar sobre o novo ‘safari’ que sua vida está tomando.

Uma das propostas do meu curso é trabalhar crescimento e desenvolvimento pessoal trazendo a tona questões que possam ser desafios pra gente começar a realizar mudanças. Na semana passada, fizemos um módulo chamado inner journey, em que ficamos alguns dias num acampamento de aventuras em Sagana fazendo diversos exercícios relacionados a auto-conhecimento e trabalho de equipe, como rafting, por exemplo. Sem internet, porém totalmente conectados com nós mesmos e nossos modelos mentais (ps: vale a pena ler o pdf desse link), tivemos que expor nosso lado mais vulnerável, aprender a usar nosso corpo como um instrumento (além da cabeça) e tomar consciência dos medos que estão na nossa mente nos impedindo de realizar sonhos. 

images

Um outro motivo de levarem a gente pra lá é a força e inspiração que a natureza (ps: vale a pena ler o pdf desse link também) pode trazer para quem se propõe a criar e realizar algo. Eu arrisco dizer que pra qualquer tipo de trabalho, não existe melhor exemplo do que a natureza. Ela é sempre um lembrete de que não estamos no controle quando confrontados com uma força maior, na nossa jornada da vida. 

Foi exatamente assim que me senti nesse final de semana no safari em Maasai Mara, a mais famosa reserva ecológica daqui. Conviver com essa grandiosidade da natureza do Kenya está sendo inesquecível. Olhando para fora do carro, também olhava pra dentro de mim, me vendo como só mais um fragmento daquela imensidão.

2014-07-11 14.55.48

Tudo começa quando a gente tenta chegar na reserva. Só aí já é uma espécie de jornada. São 7 horas de viagem saindo de Nairobi, sendo 3 hrs numa estrada de terra super chata. Ficamos alojados num acampamento incrível, diferente de qualquer experiência que eu já tive no Kenya (e em muito lugar na vida, pra ser sincera). São o que eles chamam de “tendas de luxo”, por ali é tudo assim mesmo. Mas não reclamo não, porque fui excepcionalmente bem tratada, recomendo esse lugar para todos que tiverem intenção de conhecer o Mara (amo chamar de Mara <3). Eles tem também passeios de balão por cima do safari, que imagino ser uma coisa linda de morrer.

Tivemos 3 dias pra aproveitar o safari e foi tudo incrível. Normalmente, no Kenya, eu sempre passo por algum perrengue antes de acontecer alguma coisa boa (é a mais pura lei da causa e efeito), mas esses 3 dias foram maravilhosos, beirando a perfeição. 

Começamos na sexta-feira vendo uma paisagem de deixar qualquer pessoa extasiada….Muitos elefantes, girafas, leões, gnus, zebras, Pumbas, gazelas e muitos outros bichos. 

2014-02-01 08.49.00

Mufasa tirando um cochilo. 

2014-02-01 08.13.13

Rinosceronte-negro, espécie ameaçada de extinção nos próximos 2 anos. 

2014-02-01 08.33.46

Almoço vegetariano. 

2014-02-01 08.59.31

Família de hienas.

Segundo o Simon, nosso guia, julho é melhor época pra visitar a reserva porque acontecem as imigrações de gnus e zebras do Maasai Mara para o Serengeti, na Tanzânia. Eles migram atrás de pasto fresco e voltam em outubro. A ‘grande migração‘ é uma dos eventos naturais mais impressionantes: algo em torno de 1.300.000 gnus, 360.000 gazelas-de-thomson e 191.000 zebras.

2014-07-12 07.22.00

Simon, nosso guia sabe-tudo, mais que pronto pra virar professor de biologia. 

A savana é tipo o “circle of life” mesmo :), eles caçam pra comer e transitam de um lugar pro outro livremente. Nessa época, os migrantes são seguidos por predadores até a Tanzânia. Nessa migração, uma das partes mais legais é ver os gnus e as zebras atravessando o Mara River.

2014-01-31 14.51.00Eles ficam até três dias reunidos em frente ao rio, esperando todos chegarem e a decisão de um corajoso que resolve descer primeiro e então o bando todo passa a segui-lo. Ficamos cerca de 3 horas esperando, contando os minutos impacientemente querendo ir embora. Ainda bem que o Simon insistiu que a gente ficasse: de repente estava li vendo uma das coisas mais impressionantes da minha vida, eu esperaria um dia inteiro se soubesse o quanto aquilo é emocionante. Mais um aprendizado da natureza pra minha jornada: paciência pra alcançar as conquistas. No fim o que é mais suado, é sempre mais merecido. Talvez se a gente não tivesse esperado tanto, não teria o mesmo gosto. 

2014-01-31 14.47.34

No último dia, fomos visitar uma tribo Maasai, mas essa experiência fica para o próximo post porque tenho muito pra contar.

A grandiosidade do Kenya, mais do que nunca é um grande pico de inspiração no meu ‘safari maisha’, na minha jornada. Meu desejo é que todos que estão aqui lendo esse post até o fim, me dando força nesse momento tão especial, encontrem também seus gatilhos, aqueles que resignificam nossa vida e nossa direção. 

“Tantas pessoas vivem em circunstâncias infelizes e ainda assim não tomam a iniciativa de mudar suas situações por estarem condicionadas a uma vida de segurança, conformidade e conservadorismo. Todos esses elementos podem dar a ideia de paz de espírito, mas, na realidade, nada é mais nocivo para o espírito aventureiro de um homem do que um futuro seguro”. Jon Krakauer, Into the Wild.

2014-01-31 15.38.20

Anúncios

10 respostas em “Safari Maisha

  1. Minha Kamilinha, que maravilha de lugar! Imagino esse céu azul, o cheiro da grama, os animais próximos a vcs… Que gratificante ver Deus em cada pedacinho desse paraíso ecológico.
    O Leão tirando uma soneca de forma tão meiga, como se fosse um gatinho de estimação que queremos levar para casa e acariciar a barriguinha…
    Fico emocionada em saber que o auto-conhecimento inicia-se no auto-controle da paciência para obtermos o objetivo mais gratificante de sentir a terra tremer ao ver os animais correndo para atravessar o Rio, o que significa o nosso obstáculo interior (a nossa Zona de Conforto).
    Um grande beijo menina, te amamos muito! Vivi e Kath.

    • Vivi, obrigada pelas palavras! Foi um fim de semana maravilhoso mesmo, inesquecível. Sobre o episódio do rio, sem dúvida aprendi muito. Coragem de um que inspira milhares de outros, perseverança, paciência, coletividade. A natureza é uma das minhas grandes paixões.
      beijos para você e Kath, muito amor!!!

  2. Querida Kamila, que experiência inusitada e maravilhosa! Parece aquelas cenas de filmes que vemos e que são muito distantes de nossa realidade, de repente você está vivenciando está realidade e compartilhando-a conosco. Estou adorando ler o que vc escreve e refletir a respeito. Aliás vc escreve mto bem e suas reflexões são mto instigadoras para as nossas próprias reflexões. Vc já pensou como seria legal vc escrever um livro sobre esta vivência e suas reflexões? Deixo este pensamento para vc refletir. beijos

    • Oi Cecília, que delícia ler isso. Vou pensar com carinho. Sem dúvida, escrever esse blog é começou pra mim como um exercício de risco e auto-exposição. No meu curso precisamos fazer coisas que dêem medo, pra assim, encontrar a coragem. No final, virou mais do que um prazer, virou meu momento de luz e inspiração. Fico feliz que você está gostando! Vou pensar sobre o livro, quem sabe um e-book 🙂 Obrigada por tudo. Beijos.

  3. Minha amada Kamila, cada vez que leio o seu blog mais vontade tenho de estar ai, pois amo demais os animais e gostaria muito de conhecer estes que esta vendo, morro de inveja (rsrsrs).
    Ler o que você escreve eh um deleite para a mente, e me faz querer vivenciar esta descoberta de auto conhecimento que esta passando.
    Adorei a ideia da Cecilia Loureiro sobre escrever um livro pois tenho certeza que traria novos horizontes a todos que o lessem.Bjs.

  4. Kamis. Sem palavras para esse post. Me encheu de lágrimas aqui. Estou tão feliz por você e por toda essa experiência que você está passando. É a maior fonte de inspiração para o meu próprio safari maisha. Meu sonho era estar do seu lado nesses momentos registrando tudo isso. Quem sabe um dia, logo, a gente faz isso juntos ❤ ❤ ❤

    • Amigo amado do meu coração, eu fico muito feliz de saber que você está aqui comigo, me apoiando e me mandando essas energias. Obrigada por ser sempre tão generoso e me querer tão bem! Vou adorar vir com você pra cá um dia.

  5. Pingback: Asante Kenya | JAMBO KENYA

  6. Pingback: Cozinha Africana da Kamilinha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s